terça-feira, 12 de fevereiro de 2013

Ciúme e Inveja

Ciúmes e Inveja

Sentimentos primitivos, vazios, instáveis de quem sente uma forte baixa estima, sente uma insegurança na vida e não confia na própria luz interior, procura no objeto ou na pessoa instrumento da sua inveja ou do ciúme uma forma de afirmar a sua falta de escolha, a sua falta de pensamentos de compaixão e a falta de consideração pois o outro é um ser de luz que ativou o seu interior e superou trabalhando e criando um espaço diante da vida.

Ciúme é um sentimento de posse por alguém que realmente tem um significado para esta pessoa em questão, um amor que pode se transformar em doença, em obsessão, em perdição, muitas vezes provém da infância aonde a pessoa não recebeu uma quantia de afeto que precisava e se revolta durante a vida, nem sempre a família tem a culpa sobre este fato, pois cada pessoa necessita de afeto de formas diferentes, para um a presença dos pais é suficiente, para outros a exigência é maior, o cíume pode ocorrer entre familiares, amigos, casais ou pessoas que tem um afeto pelo outro e não conseguem superar sua inferioridade em vários aspectos da vida.

Inveja é um sentimento sombrio, não há vínculo afetivo e sim retirar o bem de alguém, este bem pode ser material, emocional ou espiritual, há pessoas que desejam retirar a paz do outro pois não tem na vida, outras desejam saber como o outro vive e está sempre sorrindo, outras se alegram com alguma dificuldade que o ser invejado passa no momento, outras desejam a sua alegria e a sua saúde, a sua beleza, a sua vida, ...pois o invejoso nunca está contente é um ingrato por natureza, é um coração duro e vazio, é um ser desnaturado pois é preguiçoso e deseja o jardim do outro, quando devia plantar sementes em seu jardim e ainda se sobrar oferecer a algum necessitado, inveja é um deserto aonde o invejoso ficará anos andando em círculos e nada de novo acontece, ele se perde nas próprias palavras que se tornam amargas e beberá deste ácido até acordar um dia e sentir solidão.

Solidão é a resposta do ciúme doentio e do invejoso sem limites, sua saga é difícil, é uma vida num labirinto, ninguém terá vontade de sua presença e o ar se tornará pesado, poucos perderão tempo em ouvir estas pessoas, somente a vida por compaixão ou piedade enviarão um missionário para ouvir, encaminhar e desativar estes sentimentos escuros que se contínuos caberão tratamento psiquiátrico, terapêutico e apoio espiritual de qualquer linha, pois o ciumento como o invejoso são características  de doenças da alma, que quando não cuidadas se tornam doenças da mente que refletem na vida de forma muito forte.

Hoje se sentir um ciúme e inveja de alguém pergunte a si mesmo ....O que falta dentro de mim que estou atacando esta pessoa que admiro ou amo ou tenho amizade, ou é apenas um estranho no meu caminho e desejo o espaço desta pessoa porque ainda não acordei para viver uma vida plena de LIBERDADE, isto é ser grato à Vida por tudo que hoje tenho emprestado, e ainda desejar aos outros a Benção Divina da melhor hora e da confiança que eleva a estima e faz do ser humano ativar a sua luz interior.
Não tenha ciúme ou inveja, ative a benevolência e a gratidão, a vida reconhece e afasta a solidão de você, a pior solidão é a interna, é aquele que o ciumento e o invejoso elaboram na sacado do jardim da frente, não há como esconder, a vida devolve o mesmo olhar pesado e sombrio que o invejoso e o ciumento realizam aos outros como sinal de imaturidade e falta de confiança na vida.

Dra. Miriam Zelikowski

Um comentário:

Rafael Mata disse...

Esta me ajudando muito, na pior fase da minha vida eu encontrei esse blogger foi um alivio ler isso, espero poder me sentir melhor daqui pra frente .